Primárias e Secundárias

Muitos especialistas acreditam existir um número de emoções primárias programadas geneticamente, isto é, inatas.

Constituição das emoções primárias

Segundo Damásio:

Estamos programados para responder através de uma reacção emocional à percepção de certos sinais que caracterizam os estímulos que chegam do mundo exterior ou do interior do nosso corpo, de forma isolada ou combinada.

Emoções Primárias

  • § São inatas, universais e evolutivas.
  • § São partilhadas por todos e associadas a processos neurobiológicos específicos.
  • § Desempenham um papel crucial para assegurar a nossa sobrevivência.

Emoções Secundárias:

  • § Resultam de uma aprendizagem.
  • § São respostas a uma situação que é consequência da emoção primária.
  • § São emoções muitas vezes exageradas e perniciosas.
  • § São frequentemente inúteis e prejudiciais quando surgem sem razão.
  • § Traduzem-se por alterações fisiológicas na sequência:

1º O indivíduo forma imagens mentais relativas ao estímulo.

2º Desencadeiam-se alterações no estado do corpo (taquicardia, palidez, alterações dos padrões vitais)

3º Formação de imagens mentais num processo de pensamento (avaliação cognitiva do fenómeno) e que decorre em colecções de representações de independentes, topograficamente organizadas, em diversos córtices sensoriais iniciais.

4º Representações de disposições neurais adquiridas que disparam respostas a partir da amígdala e do cíngulo anterior.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s