Quociente Emocional

A Inteligência Emocional trata de características susceptíveis de aprendizagem. Várias empresas norte-americanas estão a implementar nos seus trabalhadores cursos de Aprendizagem Social e Emocional, pois a inteligência emocional tem um papel fundamental no controlo das emoções para um bom ambiente de trabalho e uma produtividade elevada, com os consequentes lucros.

Também nas escolas se tem vindo a implementar programas de “Desenvolvimento Social” e “Ciência Eu”, tendo como base a aplicação prática das teorias da Inteligência Emocional, a diferença de resultados destas escolas para as outras são significativos, tendo as primeiras um melhor clima e aproveitamento por parte dos alunos.

Goleman defende que o sucesso tanto no trabalho como nas relações pessoais depende do QE.

  • QE é uma forma diferente de inteligência, composta principalmente de auto-conhecimento, controle dos impulsos, persistência, auto-motivação, habilidade social e capacidade de perceber sentimentos alheios.
 O QE é duas vezes mais importante que o QI
O QE é o factor determinante que separa o profissional mediano do excelente.
O QE não é o oposto do QI, algumas pessoas são dotadas de ambos. O QI não é garantia de bom desempenho, se as pessoas não tiverem outras características essenciais.
As pessoas que utilizam o seu QE para enriquecer e optimizar o seu QI, revelam uma atitude emocional inteligente. São pessoas que têm a sua agressividade direccionada para a produção, aproveitando oportunidades e desafios, mas sem retirar aos que o cercam a oportunidade de também eles evoluírem profissionalmente.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s